Apresentação

Articulação dos Instrumentos de Planejamento A Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional, a partir da progressiva integração entre os três instrumentos de planejamento público, o Plano Plurianual - PPA, a Lei de Diretrizes Orçamentárias - LDO e a Lei Orçamentária Anual - LOA pretende contribuir para a evolução e aperfeiçoamento da gestão pública. O PPA pode ser considerado a consolidação de uma visão unificada em relação aos problemas, prioridades e estratégias do Governo do Estado de São Paulo, embutindo uma proposta de trabalho conjunto de todas as suas instâncias, para o período de quatro anos. Mapeia os objetivos estratégicos de cada pasta, bem como a definição de suas prioridades e metas ao longo desse período. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) feita para o período de um ano, aponta as prioridades na alocação dos recursos e a Lei Orçamentária, também anual, define os valores para as ações por grupos de despesas e controla o valor total por programas.

Metas

Articulação dos Instrumentos de Planejamento A Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional, a partir da progressiva integração entre os três instrumentos de planejamento público, o Plano Plurianual - PPA, a Lei de Diretrizes Orçamentárias - LDO e a Lei Orçamentária Anual - LOA pretende contribuir para a evolução e aperfeiçoamento da gestão pública. O PPA pode ser considerado a consolidação de uma visão unificada em relação aos problemas, prioridades e estratégias do Governo do Estado de São Paulo, embutindo uma proposta de trabalho conjunto de todas as suas instâncias, para o período de quatro anos. Mapeia os objetivos estratégicos de cada pasta, bem como a definição de suas prioridades e metas ao longo desse período. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) feita para o período de um ano, aponta as prioridades na alocação dos recursos e a Lei Orçamentária, também anual, define os valores para as ações por grupos de despesas e controla o valor total por programas.